Labels

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Programação Semanal Gratuita - Teatro SESI Amoreiras - Campinas

Cinema: Nós, Princesas de Cleves
Dia 6, quinta, às 20h.
Livre - Documentário - Duração: 69 min
Direção de Régis Sauder, com Abou Achoumani, Laura Badrane e Morgane Badrane

Sinopse: A ação tem origem em 1558, no reino de Henri II. A senhorita de Chartres, que ao se casar se tornaria princesa de Cleves, encontra o Duque de Nemours. Nasce entre eles um amor louco, mas sua mãe pedirá que renuncie. Hoje, em Marselha, as alunas do colégio Diderot partem da história da princesa de Cleves para falarem de si mesmas. Trata-se de um retrato da época das primeiras escolhas e renúncias.

Vincent Willen Van Gogh
Dia 7, sexta, às 20h.


Não recomendado para menores de 16 anos - Monólogo - Duração: 45 min

Sinopse: Após acordar de um terrível pesadelo Vincent Willem van Gogh, sozinho em seu possível quarto-ateliê, reflete sobre a sua vida e a sua obra, compartilhando - em meio a este turbilhão de pensamentos e emoções - cartas enviadas ao seu irmão Théo. O espetáculo traz para o palco fragmentos da vida e da obra do pintor holandês, acompanhando sua trajetória artística e individual, apresentando para o público um dos grandes artistas pósimpressionista do século XIX. Propõe um "mergulho" no homem Vincent Willem van Gogh, suas complexidades e fragilidades, o contraste entre o artista e a sua obra, a loucura e a sanidade; uma reflexão sobre o significado da arte e do artista. Sua grande solidão.
Para a supervisão do trabalho de ator foi convidado o ator e diretor Emerson Danesi, do Centro de Pesquisa Teatral - CPT- SESC.



Oficina de Cordas de Campinas
Dia 8, sábado, às 20h.
Livre - Música Erudita - Duração: 60 min

Sinopse: A orquestra Oficina de Cordas de Campinas apresenta sua mais recente produção, o espetáculo Oficina toca Radamés.O público terá a oportunidade de conhecer o resultado de uma pesquisa minuciosa sobre a interpretação de músicas brasileiras em instrumentos de cordas. O repertório inclui obras dos compositores Radamés Gnattali (1906-1988), Heitor Villa-Lobos (1887-1959), Alberto Nepomuceno (1864-1920) e Hermeto Pascoal. A apresentação contará com a participação do violonista Rafael Thomas - executando o Concerto Nº 4 para Violão e Orquestra de Cordas.


Suma Daqui, Menino!
Dia 9, domingo, às 16h.
Livre - Teatro de Formas Animadas - Duração: 55 min

Sinopse: Numa viagem no tempo - fantástica e divertida - Danilo conhecerá de perto o mundo de figuras ilustres como Henry Ford, Thomas Edison e Graham Bell. Paralelamente surge um tema de fundo psicológico muito importante para as crianças: o medo de não ser aceito pelos outros. E esse é um dos motes da peça, a razão que leva o menino protagonista a desejar "desaparecer". Dando continuidade às pesquisas no que diz respeito não só às questões técnicas, mas também ao conteúdo, a Cia. Patética e o Teatro de la Plaza se uniram para propor juntas uma dupla viagem: no tempo e no espaço. O desafio agora constitui-se não só em criar, construir e manipular bonecos e objetos, como também conceber tratamento estético diferenciado para as distintas épocas em que transcorre a ação do espetáculo: o presente e o passado (final do século XIX, época dos grande inventos).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário